IFRS em Libras é um canal oficial do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul (IFRS) no Youtube que tem por objetivo reunir conteúdos em Língua Brasileira de Sinais (Libras) produzidos na instituição.

Criado no final do ano de 2021  pela Comissão de Estudos Surdos (CES) e pelo Departamento de Comunicação da instituição, oferece mais acessibilidade ao público surdo. O espaço está organizado  em playlists que agrupam assuntos institucionais, como processos seletivos, materiais didáticos, projetos, eventos, cursos, glossário de termos em Libras e outros.

A responsável pelo canal, professora Maria Cristina Viana Laguna, que é integrante da CES, explica que “a tecnologia tem sido a principal ferramenta de informação e comunicação dos surdos”. Segundo ela, o canal IFRS em Libras foi pensado, inicialmente, para que os surdos acadêmicos tivessem acesso mais facilitado aos informes da instituição. “No decorrer do projeto, entendeu-se que o público externo também poderia ser beneficiado com a disponibilização de materiais produzidos no IFRS, como os vídeos das provas dos processos seletivos. Ter um canal em Libras fomenta e traz visibilidade para o trabalho desenvolvido pela CES no IFRS”, aponta Maria Cristina, que é também coordenadora do Curso Técnico em Tradução e Interpretação de Língua de Sinais do Campus Alvorada.

Para o  professor Francinei Rocha Costa, coordenador da CES desde 2019, professor de Libras no Campus Ibirubá e surdo, “o canal IFRS em Libras é uma importante ação de inclusão e de acessibilidade de comunicação, pois contribui para a valorização e o reconhecimento da língua de sinais e da cultura surda. Através dele, os surdos do IFRS e da comunidade externa podem obter informações e conhecimentos acessíveis, não ficando restritos somente à língua portuguesa”.

Como contribuir?
Os campi do IFRS podem contribuir com a produção e o envio de materiais, de modo que o canal seja constantemente atualizado com diferentes conteúdos institucionais. Os interessados em colaborar podem entrar em contato ou realizar envios de material por meio do e-mail [email protected].

Sobre a CES
A Comissão de Estudos Surdos tem por objetivo discutir, propor, acompanhar e assessorar a instituição em assuntos referentes à acessibilidade e inclusão de surdos no IFRS. O  grupo é constituído de profissionais de Libras do IFRS e discute pautas voltadas a acessibilidade, ensino, pesquisa, extensão e demais atividades relacionadas à área de inclusão do surdo. Além disso, integrantes da comissão  fazem parte dos  Grupos de Trabalho: Processos Seletivos e Concursos Acessíveis para Surdos, e Acessibilidade para Surdos.

Sobre a Libras
A Libras é a Língua Brasileira de Sinais e é reconhecida pela Lei Federal 10.436/2002 como a língua de comunicação e expressão dos surdos brasileiros. Junto a isso, a LBI – Lei Brasileira de Inclusão 13.146/2015 reforça a importância da acessibilidade nas plataformas e sites. Mesmo com o uso recorrente de avatares em ferramentas de acessibilidade em Libras, o grupo da CES entendeu necessária a criação do canal IFRS em Libras para disponibilizar e transmitir os eventos em Libras, pois a acessibilidade em Libras é um direito dos surdos.

A língua portuguesa é a segunda língua para os surdos, pois as estruturas na sinalização e na fala oral se diferem. Além disso, nem todos os surdos são alfabetizados em leitura e escrita em português. Por isso, os vídeos em Libras são mais inclusivos do que os vídeos que contêm apenas legenda.

Fonte: Instituto Federal de Rio Grande do Sul

Comentários no Facebook