O Ministério Público de Pernambuco instaurou um Inquérito Civil para apurar violação do direito à educação das pessoas com necessidades especiais- surdos, em Caruaru.

Segundo o Ministério Público, a notícia de que o Município de Caruaru não está garantindo educação de qualidade à pessoa com deficiência, no que se refere aos profissionais especializados e ao desenvolvimento de competências dos estudantes surdos.

O procedimento foi instaurado pelo MPPE, no dia 25 de outubro. A gestão ainda não se pronunciou sobre o assunto.

Fonte: Blog do Mário Flávio

Comentários no Facebook