Além de deficiência auditiva, é preciso ter idade entre 16 e 29 anos e ser alfabetizado em português e Libras. Inscrições podem ser feitas pelo celular.

DISTRITO FEDERAL – Unir arte e inclusão. Esse é objetivo do projeto Alquimia, que criou um curso gratuito de ourivesaria e confecção de joias voltado exclusivamente para estudantes da rede pública que tenham deficiência auditiva. Podem se inscrever jovens com idade entre 16 e 29 anos, alfabetizados em português e Libras.

Quem quiser participar, tem até 20 de julho para solicitar a matrícula, pelo WhatsApp (61) 9 8198-9941. O curso tem apenas 16 vagas, que serão preenchidas de acordo com a ordem de inscrição.

4 meses de curso
As aulas começam no dia 5 de agosto. Ao todo, serão quatro meses de encontros presenciais na Associação Recreativa do Cruzeiro, com turmas no período da manhã e da tarde.

Durante a capacitação, os estudantes vão apreender como transformar itens disponíveis na natureza, como pedras semipreciosas, cascas, texturas e sementes, em joias. À frente do curso estão a designer Suzana Rodrigues e o ourives Celso Grecov.

“Fizemos este projeto voltado para os surdos, pois sabemos que sempre que somos privados de algum sentido, desenvolvemos os outros com maior intensidade”, diz Suzana.

Serviço
Curso de ourivesaria e confecção de joias

Inscrições: até 20 de julho, pelo WhatsApp (61) 9 8198-9941
Público-alvo: estudantes da rede pública com deficiência auditiva, com idade entre 16 a 29 anos, alfabetizados em português e libras
Duração do curso: aulas começam dia 5 de agosto, com duração de quatro meses
Modalidade: presencial, com aulas na Associação Recreativa do Cruzeiro, que fica na SRES Área Especial 08, Cruzeiro Velho

Fonte: G1

Comentários no Facebook