O curso pretende inserir na área um público que é muitas vezes esquecido pelo digital

PERNAMBUCO – A UNINASSAU Graças oferece, nos dias 05 e 06 de novembro, às 08h, um curso básico de informática para surdos. A atividade tem como objetivo promover a inclusão digital dessas pessoas de forma gratuita.

Segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), 5% da população brasileira é surda. Por conta das dificuldades, como a falta de acessibilidade, muitas pessoas desse grupo tendem a se afastar da computação, prejudicando a capacitação de um novo emprego, os estudos ou até mesmo a interação com um mundo cada vez mais digital.

Para Diogo Rodrigues, coordenador dos cursos de Sistemas da Informação e Análise e Desenvolvimento de Sistemas da UNINASSAU Graças, proporcionar a interação entre pessoas com deficiência e tecnologias é muito importante no mundo contemporâneo. “O computador é uma ferramenta muito útil no cotidiano das pessoas. Por isso, é essencial saber utilizá-lo para estar apto às diversas possibilidades que ele oferece. Pensando nisso, decidimos promover esse curso para familiarizar a ferramenta e esse público, além de estimular a ideia de que PCD’s também precisam ter acesso à informática”, afirma.

O responsável por ministrar o curso é Arlindo Batista Correia, professor dos cursos de Sistemas de Informação da UNINASSAU. O evento é realizado no Laboratório de Informática do Bloco A da Instituição, que fica localizado na Rua Guilherme Pinto, nº 114, no Bairro das Graças.

Os interessados devem se inscrever pelo https://extensao.uninassau.edu.br/ e as vagas são limitadas.

Fonte: Uninassau – Recife

Comentários no Facebook