A Câmara Municipal de Várzea Grande aprovou na sessão desta terça-feira (01.09), o Projeto de Lei n° 79/2020, que dispõe sobre a inclusão de atividades e conteúdos relativos da Língua Brasileira de Sinais (Libras) no currículo escolar das instituições de ensino do município. A proposta do vereador Rodrigo Coelho (PTB), agora segue para sanção ou veto do Poder Executivo.

MATO GROSSO – O parlamentar propõe que a rede pública e privada de Várzea Grande adote as medidas necessárias para a implantação da inclusão da Língua Brasileira de Sinais no currículo escolar das instituições de ensino.

“Esse projeto é de extrema importância para a inclusão social. Visto que, muitas vezes os deficientes auditivos nascem em famílias ouvintes. Com isso, as interações acabam sendo bastante limitadas e o aprendizado da criança é reduzido” destaca Coelho.

Fonte: Câmara Municipal de Várzea Grande

Comentários no Facebook