O Estádio Municipal Cláudio Moacyr recebeu uma partida de futebol no último domingo (11). O time de Surdoatletas da Federação Desportiva dos Surdos do Estado do Rio de Janeiro (FDSERJ) enfrentou a equipe do Centro de Surdos de Macaé (CESMA) em jogo amistoso, que garantiu a convocação dos surdoatletas para a Copa Brasil de Futebol de Surdos.

A partida de futebol acontece como qualquer outra e as regras são as mesmas de um jogo convencional. A diferença no futebol de surdos é que o árbitro não utiliza o apito. Os lances são sinalizados com as bandeiras. O jogo terminou com a vitória da equipe da FDSERJ por 3×1.

O técnico do CESMA, André Carvalho, destaca que o importante é a inclusão social e o treinamento dos jogadores para competirem na Copa Brasil. “Nós temos a missão de divulgar o esporte em todas as modalidades para as pessoas com deficiência auditiva”, disse.

O Secretário de Esportes, Marvel Maillet, ressalta que o esporte tem o papel de incluir e transformar pessoas. “Nosso papel é apoiar o esporte como forma de inclusão, lazer e saúde. O esporte tem esse poder de transformar. Esperamos receber mais jogos como esse aqui no Moacyrzão”, comentou.

Segundo o presidente do CESMA, Luciano Pires da Costa, a Federação Desportiva dos Surdos do Estado do Rio de Janeiro convocou três surdoatletas do Centro de Surdos de Macaé para participarem da Copa Brasil de Futebol de Surdos, que será em agosto deste ano.

Fonte: Prefeitura de Macaé

Comentários no Facebook