Câmeras de segurança flagraram uma mulher pulando de um carro de aplicativo em movimento em uma rua de Fortaleza, Ceará. O ocorrido chamou a atenção, mas o curioso mesmo foi o motivo que levou a passageira a se jogar do veículo.

Quando a mulher solicitou o carro pelo aplicativo, não esperava que o motorista seria um deficiente auditivo. O motivo que levou a vítima a se jogar do carro teria sido porque, por duas vezes, ela desejou “boa noite” ao motorista, que não respondeu. Assustada, a passageira notou que o condutor convive com surdez e, por isso, também não fala.

Ao se jogar do veículo, a mulher teve ferimentos leves e seus pertences espalhados pela rua.

ACESSIBILIDADE E INCLUSÃO

De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), existem mais de 10 mil motoristas surdos no Brasil.

No caso dos motoristas da Uber, o aplicativo pisca para informá-los de que há uma nova solicitação de corrida e também avisa ao cliente sobre a opção de conversa por mensagem. A função de acessibilidade está disponível para todos os motoristas e usuários. Basta ativar o recurso.

Para motoristas: o aplicativo sinaliza com uma luz piscante que você está sendo solicitado para uma nova viagem.

Para usuários: o aplicativo avisa que o condutor do veículo que você solicitou é surdo, indicando a comunicação por mensagens de texto, se necessário, dentro do próprio sistema no decorrer do trajeto.

Fonte: Mundo Acontece

Comentários no Facebook