Servidores trabalham na sede do órgão espalhados em dez setores, entre eles os de atendimento ao público, como veículos e habilitação

As pessoas surdas que buscarem atendimento no Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM) já podem contar com 16 servidores capacitados a se comunicarem na Língua Brasileira de Sinais (Libras). A capacitação foi realizada pelo Centro de Educação Tecnológica do Amazonas (Cetam) e durou dois meses e meio.

Foram capacitados servidores efetivos do Detran Amazonas, bem como funcionários terceirizados, comissionados e até estagiários. Todos trabalham na sede do órgão e estão espalhados por dez setores, entre eles os de atendimento ao público, como Subgerência de Veículos, Protocolo Administrativo, Diretoria Técnica, Gerência de Educação e Setor de Habilitação. A formação teve 160 horas e dez módulos ministrados.

Entre os novos intérpretes de Libras do Detran-AM está o colaborador terceirizado Edney Colares, de 41 anos, que trabalha com o atendimento ao público na subgerência de veículos.

“Ainda durante o curso eu atendi um deficiente auditivo, e essa pessoa ficou surpresa com a comunicação, pois não imaginava que o Detran possuía servidores que soubessem se comunicar através da linguagem de sinais”, comemorou Colares.

Para a professora de libras do Cetam, Valcimeiry Rodrigues, o curso vai permitir uma comunicação básica com as pessoas com deficiência auditiva.

“No início do curso foi complicado, pois os alunos nunca tiveram contato com a Libras. No desenvolver das aulas todos tiveram um empenho importante e concluíram com sucesso. Com esse aprendizado, os colaboradores conseguem ter uma comunicação básica para efetuar um bom atendimento a quem possui a deficiência”, enfatizou.

A capacitação dos servidores do Detran Amazonas se encerrou na terça-feira (19/10), em uma solenidade realizada no auditório do órgão. A data coincidiu com o sétimo dia do falecimento de Eliani Freitas, servidora antiga da autarquia, razão pela qual os 16 alunos cantaram, em Libras, uma canção em homenagem a ela, que era gerente do Setor de Veículos do Detran-AM.

Fonte: Agência Amazonas

Comentários no Facebook