Projeto promove os atendimentos das 13h às 17h, de segunda a quarta-feira, no Campus Santa Mônica.

O projeto “Incluindo Surdos nas Bibliotecas UFU” está oferecendo, desde julho, atendimentos na Língua Brasileira de Sinais (Libras) na biblioteca do campus Santa Mônica, em Uberlândia. De segunda a quarta-feira, das 13h às 17h, pessoas surdas podem receber a orientação em Libras de um funcionário disponibilizado.

A orientação consiste em ajudar na procura pelas obras e conhecer o ambiente da biblioteca. A proposta é, posteriormente, também desenvolver e adaptar materiais instrucionais.

Segundo o idealizador Heverton Rodrigues Fernandes, a iniciativa visa ampliar a acessibilidade, já que a biblioteca ainda não contava com a adaptação. “Ela não é acessível para pessoas surdas e não há pessoal capacitado que saiba a Língua Brasileira de Sinais. Então, surgiu a ideia de trazer um estagiário, bolsista do curso de Letras com domínio de Libras para auxiliar no atendimento”.

A ação é realizada pela Comissão de Inclusão e Acessibilidade do Sistema de Bibliotecas da UFU e conta com o suporte do estudante Vinícius Resende Souza, funcionário responsável pela orientação no local.

Fonte: G1

Comentários no Facebook