As cúpulas e os edifícios principais do Congresso Nacional estão iluminados com a cor azul, nesta quinta-feira (30), em apoio ao Dia Internacional da Tradução e do Tradutor e Intérprete de Libras. A iluminação também faz referência ao Dia Internacional das Línguas de Sinais, comemorado no dia 23, e ao Dia Nacional do Surdo, celebrado em 26 de setembro. A iniciativa é do deputado federal Marcelo Aro (PP-MG).

— Setembro é o mês da visibilidade da comunidade surda brasileira, conhecido como Setembro Azul. O mês é marcado por diversos eventos para a conscientização sobre a acessibilidade e comemoração das conquistas obtidas pela comunidade surda ao longo dos anos — afirma o parlamentar.

Algumas dessas conquistas, segundo Marcelo Aro, são o reconhecimento da Libras (língua brasileira de sinais) como meio legal de comunicação e expressão e a obrigatoriedade do ensino de Libras na formação de professores, do ensino bilíngue para crianças com deficiência auditiva e da presença de um intérprete de Libras nos órgãos públicos.

O Dia Nacional dos Surdos foi estabelecido no dia 26 de setembro em referência à data de fundação do Instituto Nacional de Educação dos Surdos (Ines). Fundado em 1857 no Rio de Janeiro pelo imperador dom Pedro II, foi a primeira escola para surdos no Brasil e funciona até hoje.

Fonte: Agência Senado

Comentários no Facebook